Pagamentos do Auxílio Brasil e vale-gás serão retomados nesta sexta

Na sexta-feira (17), o Auxílio Brasil começará a pagar pelo menos R$ 400 atendendo 18,15 milhões de brasileiros em perigo social e um vale-gás de R$ 53, para 5,98 milhões de pessoas na mesma situação. Esse valor é um pouco superior ao pago em abril, quando atendeu 5,39 milhões de domicílios, mas fica muito atrás dos afetados pelo programa de transferência de renda.

De acordo com o calendário do programa os beneficiários com número de identificação social (NIS) que termina em 1 receberão amanhã. SegundaFeira, fim 2, e assim consecutivamente até às 30h. O voucher do gás é custeado junto com o Auxílio Brasil.

De acordo com o Ministério da cidadania serão destinados R$ 7,6 bilhões para o pagamento do auxílio e R$ 301,2 milhões para o vale-gás.

Para calcular o valor do auxílio para compra de vasilhames, a ANP divulga mensalmente em seu site, até o décimo dia útil do mês, o valor médio dos seis meses anteriores referente ao preço nacional do GLP de 13 kg. tanque. E nesta enquête, o Ministério da cidadania paga o vale-gás (50 % dessa média).

Em abril, o valor médio do gás de cozinha em seis meses chegou a R$ 103,30 e o cupom do gás foi de R$ 51. Em maio, a média foi de Rs 105,42, mas o auxíliocompra do rolo (que acontece bimestralmente) não foi custeado.

Quem tem o direito

De acordo com o Ministério da cidadania além de a família estar na zona de extrema pobreza (R$ 105 por mês por pessoa) ou pobreza (R$ 105,01 a R$ 210), é necessário que gestantes ou pessoas menores de aos 21 anos para receber o Auxílio Brasil -t.

Além disso, os dados dos últimos dois anos do Cadastro Único (CadÚnico), porta de entrada para os programas sociais do governo federal, não devem diferir dos registrados pelos demais governos federais.

Quanto ao vale-gás, as famílias com renda familiar mensal menor ou igual a meio salário mínimo nacional (R$ 606) devem estar cadastradas no CadÚnico.

Unidade Familiar com Associados em Prestação continuada (BPC / loas) Auxílio de R$ 1.212 custeado pelo INSS às pessoas com deficiencia e aos maiores de 65 anos que não possuem auxílio-alimentação próprio ou família.

A lei estabelece ainda que o bónus de gás é concedido preferencialmente o famílias com meninas vítimas de violência doméstica que sejam objeto de medidas de proteção urgentes”.

distribuído por região e estado

Segundo informações da receita Federal, a região Nordeste continua sendo a mais beneficiada. 8,6 milhões de famílias atendidas. Prosseguem as regiões Sudeste (5,2 milhões), Norte (2,1 milhões), Sul (1,2 milhão) e Centro-Oeste (941 mil).

Na divisão da Associação por unidade, a Bahia é o estado onde a maioria das famílias tem acesso aos recursos. 2,26 milhões de famílias participaram do projeto. São Paulo (2,8 milhões), Pernambuco (1,44 milhão), minas Gerais (1,43 milhão), Rio de Janeiro (1,33 milhão), Ceará (1,32 milhão), Pará (1,15 milhão) e Maranhão (1,10 milhão) completam o grupo de estados. Tem mais de um milhão de beneficiários.

Como obter informações

O beneficiário pode saber se tem direito ao Auxílio Brasil e o valor a ser custeado ligando para o Ministério da cidadania no número 121. Também é possível obter informações sobre o serviço por meio da Central de Atendimento da caixa ligando para o 111.

Você também pode usar o aplicativo Auxílio Brasil (download gratuito para Android e iOS). Basta fazer login com sua senha da caixa Tem. Exemplo não possua, basta se cadastrar. No aplicativo Caixa Tem, você fica sabendo do benefício como saldo e parcelamento.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.