Auxilio brasil de 600 aprovado será pago em 5 parcelas

O senador Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE) informou no último dia 29, que o Auxílio Brasil de R$ 600 deve começar a ser pago em agosto, sendo bancado ate dezembro dentro de cinco parcelas, isto durante apresentação do relatório da Proposta de Emenda à Constituição (PEC 1/2022), que substitui a PEC 16/2022. Ela trata do aumento de R$ 200 no pagamento Auxílio Brasil e também da criação do “voucher caminhoneiro” no valor de R$ 1000 e do aumento do vale-gás de R$ 60 para R$ 120.

O benefício atualmente é pago a famílias inscritas no CadÚnico, com renda familiar mensal menor ou igual a meio salário mínimo por pessoa (hoje sendo R$ 606), incluindo também quem recebe outros benefícios de programas do governo. Para ter direito, basta estar com o cadastro atualizado nos últimos 24 meses.

O Ministério da Cidadania e a Dataprev devem liberar nos próximos dias a lista de famílias aprovadas para receber o Auxílio Brasil em julho. Para saber se a sua família foi selecionada para receber a nova parcela do benefício basta acessar o aplicativo do programa social Auxilio Brasil e fazer a consulta pelo CPF do responsável familiar.

O novo valor de R$ 600 do Auxílio Brasil deve ficar disponível na conta dos beneficiários no calendário de agosto. Sendo assim, a próxima parcela do beneficio ainda deve ser no valor de R$ 400 para os atuais 18,15 milhões de famílias. Com a aprovação da PEC, o governo também poderá abrir crédito extraordinário para zerar a fila de espera do programa, que atualmente é de 1,6 milhão de famílias, ampliando o numero para 19,8 milhões neste mês de agosto.

Pretende-se uma duração de auxilio neste valor ate dezembro deste ano, mas a inclusão de novas famílias será permanente e somente serão excluídas do programa aquelas famílias que não cumprirem com os requisitos necessários para seguir recebendo o pagamento.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.